família · infância · realidade · vida

Revelação

sophia
Sophia – Christos Tsimaris

Nada é para sempre. Aquela frase e seu significado tão pesado chegou à compreensão da menina numa noite qualquer, antes de dormir. De repente ela imaginou que ela não teria seus pais para sempre. Não teria a mesma casa. Os mesmos amigos. E que o príncipe encantado talvez não seja o pai dos seus filhos ou o marido presente até sua velhice. Talvez na velhice, não reste mais nada nem ninguém além dela mesma. E pior… Talvez, nos últimos instantes da sua pequena vida ela perceba que nem ela era suficiente para preencher aquele espaço chamado de “para sempre”. E aquilo foi extremamente assustador, de início. Mas como nada é para sempre, logo após adormecer, toda essa revelação se esvairia e a pequena menina amanheceria no outro dia sem se preocupar com o que era para sempre ou não. Ao menos, por enquanto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s